6 exercícios para ganhar desempenho e fôlego na hora do sexo

s vezes, a transa é tão boa que deixa lembranças – não só na memória, mas em cada parte do corpo: dores musculares e nos ligamentos, coluna fora do lugar, pulso aberto… E segue a lista. Em outros casos, o sexo nem precisa ser inesquecível para maltratar no dia seguinte. Identificou-se? Caso a resposta seja positiva, talvez seja hora de incorporar uma rotina fitness ao dia a dia.

Segundo especialistas, não suamos nos lençóis à toa: o sexo exige energia, condicionamento, boa circulação sanguínea, tonificação muscular e flexibilidade. Atributos que, a longo prazo, só alguns minutos diários de exercícios físicos podem garantir. Embora a queima calórica no sexo não seja expressiva – cerca de 30 minutos de sexo fazem homens e mulheres queimarem, respectivamente, 100 e 70 calorias – o nível de excitação e criatividade dos envolvidos podem transformar a transa em um verdadeiro circuito de crossfit.

Nessa seara, os que se aplicam mais costumam ter resultados superiores. Segundo o personal trainer brasiliense Alisson Campos, além de evitar dores, quem se dedica ao fortalecimento corporal pode ter um desempenho melhor e prolongar o sexo.

“O preparo cardiovascular, por exemplo, é um dos mais exigidos. Se bem trabalhado, melhora o fluxo de oxigênio e pode ajudar, inclusive, a prevenir problemas de ereção”, afirma o profissional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *