Homem que atirou em amigo é condenado a prisão na Bahia; vítima ficou paraplégica

Crime foi classificado como lesão corporal

Um homem, identificado como Joanderson Silva Meira, foi condenado a três anos e seis meses de prisão em regime semiaberto pelo crime de lesão corporal por balear André Luís Santos Laranjeiras. O julgamento foi realizado nesta última terça-feira (26). O crime aconteceu no dia 12 de janeiro de 2014. O advogado da vítima vai recorrer da decisão.

Segundo informações divulgadas pelo Fórum de Itajuípe, para o júri não houve tentativa de homicídio qualificado. O crime foi classificado como lesão corporal. O réu aguardará o recurso em liberdade.

O caso aconteceu há 5 anos. Na época, Joanderson e André estavam saindo de uma festa em Itabuna e seguiram caminho para a cidade de Itajuípe. Durante o percusso, os dois amigos começaram a discutir. Ao chegar na casa do amigo, André foi baleado no pescoço e acabou ficando paraplégico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *