MPF denuncia quatro desembargadores e três juízes envolvidos em esquemas de venda de sentenças no TJ-BA

Cerca de 5.225 ligações foram realizadas, além de troca de mensagens por aplicativos

Quatro desembargadores, três juízes e outros nove suspeitos envolvidos no esquema de venda de sentenças do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) foram denunciados pelo Ministério Público Federal (MPF) na última terça-feira (10).

Segundo denúncia, as investigações ganharam força por conta de interceptações telefônicas dos supostos envolvidos. De acordo com o documento, cerca de 5.225 ligações foram realizadas, além de troca de mensagens por aplicativos.

Os envolvidos foram acusados de articular uma organização criminosa que atuava na venda de sentenças no oeste do estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *