‘Não posso mudar tudo numa canetada’, diz Bolsonaro a eleitores ao aprender que vive numa democracia

Em seu tradicional encontro com fãs na saída do Planalto, o presidente marcou presença por apenas 5 minutos, ouvindo pedidos do público.

Um deles, insistentemente, clamou para Bolsonaro pela extinção do exame da Ordem dos Advogados do BrasiL: ‘Sou bacharel em Direito e estou desempregado!’.

‘Quem decide é o Parlamento’, retrucou o presidente, o que não adiantou. ‘Presidente, por favor, nós te apoiamos’, dizia seu eleitor, respondido por Bolsonaro, que afirmou ser a favor do pedido, mas que não conseguiria: ‘Não posso mudar tudo numa canetada, o Parlamento já negou várias vezes’.

Por fim, com o chefe do Executivo deixando o recinto, o jurista anti-OAB tentou de novo: ‘Presidente! O que você nos aconselha a fazer?’. Eis que Bolsonaro prosseguiu: ‘Quem decide é o Parlamento. É o que eu tô falando. Eu não posso fazer tudo que eu quero!’.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *